PM recupera mais de 30 sacos com fertilizantes saqueados de caminhões em Paranaguá

Na manhã desta quarta-feira, 25 de janeiro, a Polícia Militar do Paraná prendeu um homem e apreendeu dois adolescentes por suspeita de receptação de cargas saqueadas de caminhões, o crime teria supostamente acontecido no Município de Paranaguá, no Litoral do Estado do Paraná.

A ação faz parte da operação Carga Segura, deflagrada com o objetivo de combater uma prática denominada “vazada”, crime de furto que consiste na abertura de bicas e tombadores dos caminhões que trafegam em baixa velocidade pelo perímetro portuário.

De acordo com relatos, após a abertura das bicas, a carga dos caminhões acaba caindo na via, assim os meliantes podem varrer e ensacar a mercadoria subtraída para, posteriormente, realizar a venda para receptadores que atuam na região do Município de Paranaguá.

A operação fez sua primeira ação no bairro Vila Paranaguá. Após levantamentos feitos pela Agência Local de Inteligência as equipes policiais localizaram e apreenderam 20 sacos de fertilizantes e uma balança mecânica; no local, um homem de aproximadamente 42 anos foi preso por receptação.

Em seguida, em outro endereço, no bairro Vila Guarani, os Militares encontraram e apreenderam mais 11 sacos de fertilizantes misturados e três balanças digitais; no local, dois adolescentes, um de 15 e outro de 16 anos, foram encaminhados suspeitos de receptação dos produtos encontrados.

Na última semana, durante uma operação policial, três pessoas também foram presas suspeitas de receptação das cargas que foram saqueadas dos caminhões que aguardavam a entrada no Porto de Paranaguá. Além disso, foram recuperadas mais de quatro toneladas de fertilizantes.

A ação motivou o início da operação Carga Segura, a operação faz parte de um esforço continuado que a Polícia Militar tem desenvolvido no município de Paranaguá, cujo objetivo central é prevenir e coibir o saque a caminhões e o armazenamento irregular de produtos oriundos de furto, deixando a cidade mais segura para os profissionais que atuam na área portuária e para a própria população.

Via
Agência Estadual de Notícias

Aly Rodrigues

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do autor. O Grupo Litorânea de Comunicação tem o compromisso de levar a informação através de noticias da nossa região com agilidade e fidelidade aos fatos.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo